Emagrecimento: como o Budismo pode ajudar a perder peso

2

Às vezes a solução para  a obesidade pode ser bem mais simples do que você imagina. Os seres humanos são movidos a alimentos, ou seja, o combustível humano é o alimento.

O corpo precisa de energia que é tirada dos alimentos para poder exercer suas funções, se essa energia não chega o corpo sofre. Mas a maioria das pessoas acaba exagerando na hora de se alimentar, come em demasia o que traz um problema muito sério que tem afetado boa parte da população mundial, a “obesidade”. Você sabia que com algumas práticas religiosas é possível melhorar essa situação? Isso mesmo, o Budismo é uma delas.

Abertura do “terceiro olho”

Faça um teste. Escolha uma comida que você adora de uma garfada, depois tire o garfo da sua frente. A reação é dolorosa, pois após dar a primeira garfada em um prato que você ama quer dar logo a outra, mas se não tem o garfo… Querer se alimentar de várias garfadas uma atrás da outra é muito comum atualmente, principalmente quando a pressa e a correria do dia a dia é grande.  Mude a maneira de se alimentar, mastigue devagar, sinta a textura dos alimentos, a cor, o sabor e o aroma do prato. Siga essa técnica durante a sua refeição e você vai experimentar  importância da abertura do “terceiro olho” dos prazeres e a satisfação de comer com a mente.

Emagrecimento-como-o-Budismo-pode-ajudar-a-perder-peso-01

Ensinamento Budista

Essa prática tem o ensinamento budista de apreciar o alimento. Assim como existem técnicas de meditar em pé, sentado e andando, muitos budistas aprendem e ensinam seus semelhantes a se alimentar meditando. Esses ensinamentos passaram dos templos Budistas para lugares como Harvard e a Google, na Califórnia. Segundo alguns especialistas o, que seria um simples ato de comer devagar e saborear o alimento, pode ser a solução para um dos males do século, a “obesidade”. Pense nisso! Você não precisa parar de comer, mas comer devagar saboreando o alimento pense nele antes de saboreá-lo e a sua mente trará satisfação mais rapidamente.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui